Quase oito meses fora, hoje eu volto com o cadê meu tarja. É difícil manter um blog, mais difícil ainda quando ele não tem muito público, ou quase nenhum (como é o caso rs). Mas eu faço isso mais porque eu gosto mesmo. Whatever. Eu vou tentar dar mais atenção pra ele, mesmo que eu esteja no quinto semestre de uma engenharia e não vai ser nada fácil.

Nesses oito meses fora, mudanças na minha vida aconteceram, conheci novas pessoas, conheci novas cantoras, novas bandas, viajei pelo Brasil afora, tentei amar, mas felizmente falhei na primeira tentativa. Conheci mais profundamente pessoas que se tornaram grandes amigos. Descobri fárias (alô vanessão) coisas novas. E põe coisas novas nisso. Descobri que alguns perfumes não passam de meros splashes quando na verdade, deveriam ser eau de parfum. Enfim. Vou parar por aqui já que esse blog não é tão pessoal assim. Enfim, esperem coisa boa por aí.

PS: Ah, e nesse tempo, eu também consegui me apegar menos aos meus tarja pretas. E tô bem mais sociável. Viva!

Anúncios

movie caps #9

22ago10


Acabo de assistir ao filme Do Começo ao Fim, dirigido e escrito por Aluizio Abranches. O filme possui um pouco mais de 90 minutos no seu total, achei pouco tempo para o grande alvoroço que fizeram em cima do filme. Após assistir o filme inteiro percebi que o filme não atendeu às minhas grandes expectativas sobre o mesmo. O roteiro, no começo, pode parecer surpreendente e inovador, por ser a história de dois irmãos (Thomas e Francisco), de pais diferentes, que se amam e se protegem desde quando eles eram crianças. Essa história de amor teria tudo para dar um ótima longa-metragem, porém Aluizio Abranches, infelizmente, não conseguiu fazer com que esse filme superassem ou sequer atendessem as expectativas.

Só que o filme tem algumas falhas de inter-ligação e deixa algumas dúvidas a quem está assistindo ao filme. Algo que eu percebi foi que durante o filme, algumas frases que não havia nenhuma conexão com alguma parte do filme era soltada no meio da cena e deixando, assim, quem o assistia confuso (o Thomas narra a maior parte do filme).

Achei as atuações boas e algumas razoáveis. Acho que por ser um novato o João Gabriel Vasconcellos (Francisco) não fez o seu melhor filme e ficou apenas no razoável. Já o Rafael Cardoso (Thomas) conseguiu ser bem mais convincente. Julia Lemmertz e Fábio Assunção fizeram seu papel e convenceram. Achei que faltou mais emoção na maior parte dos atores. Emoção não quer dizer pegação a todo momento, você, Aluizio, forçou muito quando a cada 5 minutos do filme havia cenas explícitas de amor e sexo. Um filme com temática gay não se resume a forçar isso na cara de quem vai assistir. Está aí o filme de estreia do Tom Ford pra confirmar essa minha teoria, A Single Man.

Mas enfim, não quero comparar nenhum diretor, até porque ambos os filmes tem objetivos bem diferentes. Só dizer que foi desnecessário algumas partes do filme onde o diretor forçava demais.

Algo que eu percebi no começo do filme, algo que recebeu parte da minha atenção foi a bela trilha sonora do André Abujamra. Acho que foi apropriada e bem trabalhada nas exatas partes do filme.

O final do filme deixa muito a desejar. Uma grande falha do Aluizio Abranches foi não nos dar explicações necessárias para um bom entendimento, ele apenas joga aquilo na tela para que nós interpretemos da maneira que quiser, isso as vezes é bom, as vezes não.

Resumindo, o roteiro é fraco, tem uma boa fotografia, atuações que variam de razoáveis a boas, trilha sonora bem feita, no geral o longa é um pouco desconexo, algumas cenas foram desnecessárias, a edição não foi boa, as alocações, cenários, figurinos merecem ponto.

Nota: 6/6,5.



movie caps #8

08jul10

já estreou faz um tempinho o novo vídeo do single da katy perry ‘California Gurls’ mas pra quem ainda não viu, aí vai:

Ok. Bem legal e colorido. Agora o que eu quero dar atenção maior é pra essa paródia que algumas gueis californianas fizeram e ficou tipo ~GENIAL~. Teve gente que ousou a dizer que essa versão de California Gays ficou até melhor do que a versão original da Katy. Olhem:


movie caps #7

05jul10


movie caps #6

03jul10