ser humano e o inesperável

24maio10

hoje aconteceu algo bem desagradável no meu círculo familiar, bem para alguns isso não chegaria ao ponto que chegou, mas enfim. um animal de estimação, mais especificamente um coelho, morreu hoje. era de um primo próximo. o animal não chegou nem a ter 1 mês de vida e já morreu. coelhos são frágeis. isso é fácil de comprovar, basta ter paciência e uma pesquisa rápida pelo google ajuda muito. o que mais me deixou intrigado e psicologicamente assustado foi a reação que algumas pessoas, também muito próximas de mim, tiveram ao saber da notícia.

eu sei que o ser humano é capaz de criar afeto até com uma formiga, dependendo do tempo de convivência e outros fatores externos. porém, nessa situação em que lhes descrevo o que quero passar não é a morte do coelho em si, pergunto-me o quão frágil é o ser humano pra ter uma reação tão agressiva e inesperada ao presenciar a perda de um animal? o tempo em que essa pessoa passou com o coelho foi apenas uma semana, mas o laço afetivo, que ninguém da família tinha noção, foi tão grande que fez um “marmanjo” chorar que nem uma criança e esmurrar a parede de raiva pela perda do filhote.

eu aceitaria normalmente tal reação caso a situação de perda estivesse relacionada a seres humanos ou até alguns outros animais mais comuns, se é que assim posso dizer, como cachorros e gatos, já que eles têm uma expectativa de vida e relação afetiva com os seres humanos bem maior do que a dos coelhos. mas paro pra pensar e digo, estaria eu sendo insensível demais ao julgar essa situação? bem, nessas horas queria ter um conhecimento sobre o psicológico humano maior do que o que eu já possuo. saber o porquê que a mente de certas pessoas fazem tê-las certas reações. queria saber poder reconhecer os tipos de carências de cada um, caso essa reação demonstre um tipo de carência. bem, como sou leigo e entendo pouco de psicologia, isso, para mim, vai ficar inexplicável. e também não vou encher minha psicóloga de perguntas, porque já basta os meus problemas.

Anúncios


No Responses Yet to “ser humano e o inesperável”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: